Monthly Archives: A recent report released by the Californian Energy Commission has highlighted the benefits of adaptive lighting solutions in the retail sector. Currently accounting for 13 per cent of California’s lighting electricity use, surprisingly the retail sector in the region has less lighting legislation with which to conform. This has led to innovative smart lighting control solutions being underutilised for energy saving and marketing functions. From three individual studies, the key energy saving features of a smart lighting solution for general lighting were identified as:
  • Lighting power density: 0.85 to 1.25 W/sf
  • Systems should be fully dimmable
  • Zonal occupancy sensing resulting in a multi-level lighting design:
    • Occupancy sensor with timeout period between 5-10 minutes
    • Occupied: full light output
    • Unoccupied: 30-50 per cent of full output
    • Control zones should be less than 500 sf to maximise savings
  • Tuning: based on system design, high-end trim should be utilised to reduce full output by 10-30 per cent
    • Systems should be evaluated at the end of five years to adjust high-end trim to account for lumen depreciation or use systems that include automatic lumen maintenance adjustments
  • All systems automatically switch off after business hours
All of these features can effectively improve energy efficiency in a retail environment, or any building. Making effective use of lighting controls allows for the optimisation of space, with on-going changes possible throughout the solution’s lifespan. Consequently this means that businesses, in this case, retailers, can reduce their electricity bill. Not only can lighting controls reduce electricity consumption, it can also be leveraged as a marketing and sales tool. Many studies, such as a recent research project undertaken by the Retail Design Research Lab of the PHL University of Hasselt, have highlighted the route customers take can depend on the lighting. By tracking the movements of customers within a store, studies have shown that customers buy more and spend more time browsing in areas with warmer lighting settings than darker, cooler lit areas. Therefore by installing a smart control solution, which can enable all of the above-mentioned features by simply connecting intelligent light fixture networks to the building’s existing Building Management, Automation or Energy Control Solution platforms would be the ideal solution. Known as elitedali™ the technology enables total control over large retail environments using existing installed BMS, BAC and BEMS platforms. As it allows for moves and changes within the system through the building’s existing BMS maintenance provider, the need for a costly maintenance package from a traditional lighting control solution’s manufacturer is not required. In addition, elitedali provides facilities managers and building owners with complete access to their lighting data. This allows for any data analysis to take place, effectively providing a real-time cost vs benefits for the environment created. Finally, by choosing a highly vendor independent solution based on open standards means that any lighting products that conform to DALI IEC 62386, regardless of manufacturer can be connected to such a smart lighting system. In addition, any suitable BMS, BAS or BEMS solution based upon Tridium’s Niagara Framework may be used in the installation, with on-going maintenance provided by any suitably qualified organisation of the end-client’s choosing. About DALI
  • Digital Addressable Lighting Interface, IEC 62386
  • Only global open interoperable published standard for intelligent light fittings
  • Up to 64 DALI light fixtures connected on a single network
  • Communicate individually, collectively or in groups
  • ON, OFF, Dim Up, Dim down instructions and more
  • 100’s of device manufacturers, 100M devices deployed in millions of buildings
  • See www.dali-ag.org
About Niagara
  • World’s de-facto standard convergent web technology platform for building and lighting controls
  • A software framework for building device-to-enterprise applications and Internet-enabled products, created by Tridium Inc.
  • A unified platform to easily build Internet-enabled products and software applications for controlling and managing diverse “smart” devices across an enterprise in real time.
  • 20,000+ certified Niagara engineers, 1,000s of organisations
  • 400+ global OEMs producing building management, automation and energy management solutions based upon Niagara installed in 500,000+ buildings.
  • See www.tridium.com
For more information, please contact cns@control-network-solutions.co.uk or call 01256-818700. To read the full report, please click here.January 2016

CALIFORNIAN ENERGY COMMISSION SUPPORTS SMART LIGHTING FOR RETAIL!

A recent report released by the Californian Energy Commission has highlighted the benefits of adaptive lighting solutions in the retail sector. Currently accounting for 13 per cent of California’s lighting electricity use, surprisingly the retail sector in the region has less lighting legislation with which to conform. This has led to innovative smart lighting control solutions being underutilised for energy saving and marketing functions.
Continue reading

O segredo da indústria mais bem guardado?

Engenheiros, tanto novos como já experientes, não têm conhecimento do desenvolvimento da plataforma ao longo dos últimos sete anos numa solução de classe mundial para controlo de iluminação inteligente.

Mike Welch, Diretor administrativo, CNS

A plataforma Tridium Niagara é conhecida dentro da indústria de controlo de edifícios como sendo a solução pioneira em termos de aplicações de GTC e BEMS (sistema de gestão de energia do edifício). No entanto, muitos engenheiros, tanto novos como já experientes, não têm conhecimento do desenvolvimento da plataforma ao longo dos últimos sete anos numa solução de classe mundial para controlo de iluminação inteligente. Mike Welch, diretor administrativo da Controlo Network Solutions, explora o uso tradicional da estrutura Tridium Niagara e dá especial enfâse á evolução recente do setor de iluminação inteligente, que significa que plataformas destes tipos podem, também, tornar-se soluções de controlo de iluminação de classe mundial.

Aproveitando a Internet das Coisas (IoT), a estrutura Tridium Niagara funciona em qualquer plataforma (BMS/GTC, BAS, BACS e BEMS), e a sua utilização fornece uma solução de controlo de gestão completa, ligando uma variedade de dispositivos inteligentes, equipamentos de serviços como HVAC, controlo de acesso e ainda dispositivos de captação de energia sem fios á internet para criar edifícios inteligentes.

Ao integrar estes serviços na estrutura Niagara, é possível alcançar compreensão em tempo real, controlo, monitorização e gestão, permitindo custos de energia reduzidos, melhorias de segurança e controlo total das instalações do edifício.
Á medida que a tecnologia de edifícios inteligentes começa a revolucionar muitos mercados, tais como o de HVAC e de segurança. Este avanço começa agora também a conduzir o setor de iluminação inteligente.

A iluminação é tipicamente responsável por até 19 por cento dos custos de funcionamento de um edifício, sendo significativamente importante atualizar para controlos automatizados inteligentes. Desta forma, é possível melhorar de forma eficaz a eficiência energética.

No entanto, as soluções de iluminação inteligente são maioritariamente de fornecedor e proprietário únicos, não conformando totalmente para abrir padrões internacionais e interoperáveis e não fornecem acesso contínuo aos dados em tempo real aos dados das luminárias inteligentes individuais.

Além disso, são frequentemente altamente inflexíveis; não oferecendo a possibilidade de acrescentar, mover e modificar em tempo real para abordar as necessidades das constantes mudanças de negócio dos clientes finais.

Logo, como muitas destas soluções de controlo de iluminação inteligentes “tradicionais” usam uma quantidade substancial de tecnologia consumidora de energia, estão a reduzir o consumo de energia do edifício e a aproveitar as capacidades da IoT?

Uma solução de controlo de energia “tradicional” normalmente abrange módulos de controlo de iluminação (LCMs), cada um dos quais pode ligar até dez luminárias: estas são, de seguida, ligadas a um número de controladores de rede de área antes de finalmente serem ligadas à plataforma de controlo de iluminação geral. Esta integração permite controlar as luminárias, aumentando o nível de controlo que um gestor de um edifício tem da conta de energia gasta em iluminação. No entanto, como cada um destes componentes de controlo gasta energia, mesmo quando as luminárias se encontram desligadas, o nível de energia “parasítica” usada terá um impacto em qualquer beneficio financeiro ganho pela instalação de controlo automatizado e as luminárias de baixa energia.

Inovações recentes do setor de controlo inteligente têm, porém, encontrado uma forma de combater este uso de energia “parasítica” pela utilização das plataformas BMS existentes, diretamente ligadas ás redes de luminárias inteligentes. Assim pode ser produzida uma poupança de energia e de custos operacional.

Por exemplo, ao utilizar uma solução elitedali™ inteligente baseada na web, essas plataformas podem ser ligadas a cerca de 20 redes de iluminação inteligentes. Cada uma destas redes podem, por sua vez, compreender uma rede de até 64 luminárias inteligentes. Os meios pelos quais elas se encontram ligadas ás plataformas gera menos 99% de emissão de CO2 quando comparadas a apenas uma solução “tradicional” baseada em LCM. Além disso, a quantidade de hardware instalado é imediatamente reduzida por seis vezes.

Ao usar a plataforma Niagara e ao instalar controlos de iluminação elitedali, remover estes níveis de componentes extra pode, como visto numa loja de retalho dinamarquesa, produzir poupanças de energia que poupam até £7,000 por mês.

Como a iluminação é muitas vezes ignorada, por ambos os engenheiros experientes e novos, ao instalar o BMS Niagara, existem vários benefícios exclusivos que os proprietários dos edifícios e os seus gerentes estão a perder.

Por exemplo, ligar redes de qualquer luminária inteligente interoperável de padrão aberto diretamente a qualquer plataforma de estrutura Niagara através do uso de soluções como as oferecidas pela elitedali, garante aos proprietários de edifício e aos gestores o controlo completo e em tempo real da sua solução de iluminação a partir de qualquer localização (local e remota) no mundo através da Internet, usando qualquer plataforma web browser adequada. Este controlo inclui a mais ampla escolha, atualmente, de quem instala, comissiona e faz a manutenção do sistema, e ainda oferece o acesso total (e ao vivo) a todas as luminárias, dados dos sensores e aos comandos. Assim existe controlo, monitorização e análise em tempo real.

Quando instalada num edifício inteiro ou em vários compartimentos, esta função analítica pode permitir o cálculo do output do negócio pela área, para ser medido relativo do custo de fornecer um ambiente de trabalho adequado.
If installed throughout an entire building or in various offices, this analytical function can enable the calculation of business output per area to be measured against the cost of providing a suitable work environment.

Juntamente com a redução de custos futuros e o aumento da eficiência energética do edifício, pela utilização da plataforma BMS existente do edifício como uma solução de controlo de iluminação, o custo inicial e o investimento necessário é drasticamente reduzido.

Portanto, ao escolher uma solução inteligente e baseada na web, com base numa arquitetura simplificada e com menos componentes, poderá usufruir de melhorias significativas na eficiência energética dos edifícios e nos custos de funcionamento.

A iluminação é muitas vezes negligenciada pelos integradores do sistema BMS, portanto os controlos de iluminação baseados em Niagara podem ser considerados um dos segredos mais bem guardados da industria de controlo. No entanto, á medida que os gestores de edifícios e de construção de todo o mundo começam a inclinar-se mais para edifícios sustentáveis e energeticamente eficientes com soluções disruptivas de mercado como a entrada no mercado da iluminação pela elitedali, torna-se improvável de se manter negligenciada dessa forma por muito tempo.